quinta-feira, 26 de março de 2009

E já são sete

Sete meses! Aliás, quase sete meses e meio.


Não é mais (completamente) banguelinha


Os dois dentinhos de baixo já nasceram, foi um pouco antes de completar os sete meses. Não teve nenhuma reação aparente, tudo tranquilo.

Também no final do sexto mês ela começou a comer de verdade, não que ela ame a papinha salgada como ama a doce, mas come tudo direitinho. Começou a jantar e está dormindo mais à noite, acordando mais tarde. Tem acordado entre 8h30 e 9h30, acho ótimo!


Números:

Peso: 7, 910 Kg
Estatura: 65,5 cm
2 dentes (hehehe)


Foi pesada assim sentadinha pela primeira vez




E começou o desmame...

Na verdade o desmame começa quando o bebê passa a ingerir qualquer outro alimento que não seja o leite materno (pelo menos é o que lembro pelo que li nos livros...), mas eu ainda não tava encarando assim porque continuava amamentando normalmente, 5 vezes por dia. Quando ela começou a "almoçar" eu oferecia a papinha e logo depois dava de mamar, já que ela ainda não tava comendo bem. Mesmo quando começou, eu continuei amamentando no almoço. E daí ela engordou bastante esse mês!

Pois agora o pediatra disse para reduzir para três o número de mamadas por dia: ao acordar (o café-da-manhã, mas depois de mamar ainda posso dar suquinho, ou frutas ou iogurte), na hora do lanche (entre 16h e 17h, depois da soneca da tarde) e a "mamada dos sonhos" entre 23h e 24h. Mas nos últimos dias, como ela foi dormir mais tarde por estarmos passeando, experimentei dar de mamar antes de dormir, entre 22h e 23h, também deu certo. Ela normalmente não dorme mamando. No almoço e na janta ela come papinha, toma suco ou água e come também uma sobremesa.

Essa história dela comer é bem legal. As tias podem participar mais, dando papinha pra ela. Se vamos comer fora, levo algo pra ela comer mesmo que já tenha se alimentando na hora certa, porque assim ela não fica de olho na nossa comida! Hehehe. Como ela está mamando num intervalo de oito horas, tenho mais liberdade para escolher a roupa que vou usar se for sair e também para ficar um pouquinho longe dela se for preciso.

Mas confesso que dá uma dózinha, dela e de mim. Já não sou assim tãaaaaooooo necessária. As mamães entendem? Nos primeiros dias ela ficou me agarrando querendo mamar e eu dei, mas logo acostumou. Vamos ver quando for desmamar de vez. Mas isso ainda vai demorar, viu?!

13 comentários:

Bia Mello disse...

Nossa, Teca! O tempo voa mesmo, ne? Sem querer ser repetitiva, tava agora mesmo lembrando de quando vcs foram la na minha mae pegar a mala...e vcs disseram que estavam "gravidos"!

O melhor de tudo foi que, mesmo sem conviver contigo, consegui me apegar muito na tua gravidez, atraves das tuas fotos e, consequentemente, na Naomi, quando nasceu! (E ela ainda nasce no mes do meu aniversario, quase no dia do aniversario da minha mamae! Que demais!)
Desde entao, acompanhar cada fase dela, atraves das fotos e posts têm sido uma experiencia enriquecedora, um aprendizado e tanto.
Somos parecidas neste ponto, sou bastante comunicativa e apaixonada por aquilo que dou valor. Talvez seja o mesmo Espirito que esteja em nós, o dom do amor de Deus.
To meio emotiva estes dias (talvez seja TPM), mas queria te dizer de coracao (sem puxacao de saco, serio) que sou apaixonada por sua filhinha e respeito demais os pais que vcs sao pra ela. Acho exemplar mesmo...pronto, falei!

Que o Senhor continue dando sabedoria pra vcs, com muitas bençãos, fotos e posts desta boneca! :)

Bjs,
Bia Mello

Lívia - liribeirada@hotmail.com disse...

olá! Sempre venho aqui e hoje deixo esse coment pra dizer que admiro seu jeito de escrever e a forma como cuida da sua filha, que é uma fofa!!! Não tenho filho ainda, mas adoro ficar lendo sobre, pq assim vou guardando experiências (alheias!), pra quando for minha vez... Que Deus agracie vc e sua família!! Abraço, Lívia

Tatiana Santos disse...

Mas que benção ela está se desenvolvendo né Teca? Dois dentinhos, se alimentando bem, crescendo e de bem com a vida! E o mais importante é ter boa saúde. Me dá uma vontade de ser mãe!! Nooossa!!!
Fico feliz pelo progresso!

Beijos procês! :)

Mari disse...

"Já não sou assim tãaaaaooooo necessária."
espera ela fazer 14 anos... haha! (rindo pra não chorar, né?)
ela tá uma coisa de fofa, Teca! Agarra muuuito enquanto ela ainda deixa!
Beijo
(Alice tem essa mesma escova de dentes!)

andrea disse...

amo seus depoimentos...vc é uma ótima mamae...Parabéns!
escreve maissssss, vai!?

Rejane Wolff disse...

hehehe que bonitinhas essas histórias!

Carla e Erick disse...

nao quero pensar nisso agora nao, deixa eu pensar que ela;ele vai sempre ficar grudada em mim.rsss

Rebeca disse...

Entendo perfeitamente. Cada independência deles dá um apertozinho no coração né? Mas na vida é assim, as coisas tem os 2 lados.

Ela está cada dia mais coisuca!

Estava Perdida no Mar disse...

Nossa, eu q nem to perto de ser mãe já fiquei com dó lendo isso. Ah, TEca...não desmama, não...tadinha. A não ser q vc precise/queira voltar a trabalhar. Mas ai, q dó.

Mila disse...

Adorei a foto das escovas..
Depois tem que começar a ir no consultório da Tia Camila pra não ter medo de dentista..hehe
Ela tá uma graça!!!!

Karina disse...

passa la no meu novo blog, mais um vicio na minha vida!

e ah! deixa ela mamar até... ta cedo ainda... agora elas mamam beemmm menos... beijoss

Flah disse...

a Naomi está kda dia mais fofa,mais esperta...passa tao rapido essas fases q eu mesmo nao lembro de muitas coisas da fase da Rha,lembro sim,quando ela parou de mamar,com 9 meses,mas o pesinho as medidas,xii,nem pensar,e tb nao tive o cuidado de anotar tudo como vc,vc está fazendo o certo,pra contar pra Naomi ou ensinar outras mães,muito bom!
Bj :)

Renata disse...

Ai, nem me fale...tenho uma dor no coração só de pensar em desmamar!!! Adorei o blog! Sua princesa é linda demais, parabéns.
beijinhos, Re